Como você se protege do frio?

Como você se protege do frio Não é de hoje que se percebe que o tempo anda doido. Também não é preciso ser um profissional da área para saber o que essas discrepâncias climáticas causam em nosso corpo. É só sentir!
Você anda se protegendo corretamente?

Tenho dicas quentes pra você prevenir ou recuperar a pele dos estragos:
- Fuja da água quente - ela remove a barreira de proteção da pele (manto hidrolipídico), deixando-a mais propensa a irritações, descamação, ressecamento, envelhecimento precoce (rugas finas) e diminuição da elasticidade da pele.

- Alimentação –  no frio, ela passa a ser mais gordurosa e quente, o que leva a um aumento da oleosidade e da acne nas peles mais propensas. Acrescentar muitas verduras e legumes no prato, eles fornecem vitaminas que dão mais brilho à pele.
Lembrando: uma boa hidratação depende também da ingestão de, pelo menos, 2 litros de água por dia.

frio- Rachaduras nos pés - No frio, a umidade do ar diminui, causando o ressecamento da pele, inclusive dos pés. A hidratação é fundamental, mas também é necessário usar sapatos fechados e um bom hidratante, específico para a região dos pés. As rachaduras acabam por ser locais propensos a proliferação de bactérias e fungos, por isso é importante tratá-las com cuidado e, se necessário, conte com a ajuda de um podólogo.

- Cremes - Eles não podem faltar no seu nécessaire. E a fórmula pode ser a mesma, independente da estação, o que vale mesmo é ficar atenta ao seu tipo de pele. Normalmente, no frio, mesmo a pele oleosa apresenta ressecamento, sendo indicados produtos em base de creme.

- Lábios - o vento, o frio, a poeira, a poluição e a baixa umidade agridem e ressecam muito os lábios, é preciso hidratar a pele regularmente. Além do uso regular de filtros solares labiais, o consumo de água (mesmo sem que haja sede) é importante.

Evite passar a língua nos lábios - Ainda que, num primeiro momento, a saliva possa trazer algum alívio, no instante seguinte ela começa a ressecar ainda mais a boca. Esse efeito rebote ocorre porque a saliva contém cerca de sete enzimas digestivas preparadas para pré-digerir os alimentos. Essas enzimas, não agem nas mucosas, mas são capazes de agredir a sensível pele dos lábios.
frioPor causa do frio, você nem percebe a dor da queimadura solar e demora mais tempo para sair do sol. O resultado são mais queimaduras até mais intensas do que no verão, quando o calor faz soar o alarme da dor

Escolhendo um protetor labial ou um batom - Prefira produtos com filtro solar associado a preparações oleosas e produtos à base de petrolato ou cera de abelha, silicone, manteigas de cacau ou de caritê, que mantém os lábios sempre com uma película protetora e ajudam na hidratação, evitando o ressecamento. E é importante reaplicar o produto a cada 2 horas, tempo que dura a hidratação.

Aos fumantes de plantão - O fumo é, depois do sol, a segunda maior causa de envelhecimento e de câncer labial. O cigarro diminui a capacidade de regeneração e cicatrização da pele e mucosas.

- Cabelos - Durante este período, temos tendência a lavrar os cabelos com água  mais quente, retirando todo o óleo do couro cabeludo (o tal manto hidrolipídico), que, além de ser a proteção natural, tem a função de lubrificá-los. frio
Sua total retirada pode dar um aspecto de ressecamento. Em alguns casos, o organismo entende que com a ausência da oleosidade, ele precise produzir mais desse manto, deixando a cabeleira mais oleosa. Por isso, o ideal é sempre lavá-los com água morna.
O frio também afeta diretamente os fios, pois a água que fica nos fios se solidifica e facilita a quebra da fibra capilar, por isso evite sair de casa com os cabelos molhados. O uso do secador está liberado, desde que não seja com o vento muito quente e próximo aos fios. A secagem deve ser feita com a proteção de um creme termo ativado.
Chapéus, bonés e gorros, também podem prejudicar as madeixas, já que aumentam a oleosidade e o possível aparecimento de fungos e bactérias, devido a baixa ventilação do couro cabeludo. Por isso, se puder, melhor evitá-los.

Você sente dores?
A necessidade de aquecimento da musculatura provoca uma contração que torna algumas partes do corpo doloridas. Mãos, pés e cabeça precisam de estimulação extra já que não recebem o sangue tão quente.
Então, movimente-se!
Imagem2Se você caminha, por exemplo, o hábito deve ser mantido também quando fizer frio, mas alguns cuidados devem ser tomados: a respiração se altera na caminhada no frio, porque o ar gelado entra pelo nariz e se choca com a temperatura ambiente interna cerca de 36 graus do corpo.
Atenção redobrada ao alongamento: no mínimo, 15 minutos.
Além disso, ficamos mais vulneráveis a lesões musculares, gripes e resfriados.
Mãos, pés e cabeça precisam de estimulação extra já que não recebem o sangue tão quente. Faça movimentos contínuos para que fiquem aquecidos.
Uma boa dica pra os pés gelados é o escalda-pés, uma técnica milenar que ativa a circulação e os principais pontos de relaxamento dos nossos pés, que são os grandes condutores de energia do corpo.
- O escalda-pés básico é feito com uma bacia ou mini-ofurô, água quente e um punhado de sal. 
Esses pequenos cuidados diários vão ajudar a garantir um visual lindo também no inverno.
ursinhos 
No mais…
Pegue seu amor e troque energias: abraços quentinhos, beijinhos, carinhos…
Assim dá pra suportar qualquer tempo frio, né?

Fonte: Minha Vida e outros

Beijo e paz!

Pra vocês… aquele abraço!

Abraco-virtualOi, gente!
Hoje é o dia de um gesto que amo demais da conta: O Abraço!!
Que delícia!
Tem jeito mais legal de demonstrar aconchego, carinho, conforto, apoio, amor… tudo e de uma vez só?
E não importa o tipo: de amor, de irmão, de amigo, de mãe, de pai, de filho, de avós, de netos, de criança, de bicho, de longe, de despedida, de chegada, de alegria, de vitória, desajeitado, apertado e até meio frouxo…
Ter alguém pra te dar ou pra receber esse carinho é o mais importante, isso que o torna tão especial!

Onde, afinal, é o melhor lugar do mundo?
Meu palpite: dentro de um abraço.
Martha Medeiros
Gosto dessa definição: Abraço é o encontro de dois corações.
Cazuza
Um sorriso e um abraço sinceros falam melhor
que mil vezes “obrigado”.
Terás sempre o meu sorriso,
e receba agora o meu abraço.
Augusto Branco

Então, eu desejo um abraço daqueles bem apertados e cheios de carinho pra você!!!

Tapioca - receita rápida e fácil

tapioca No nordeste também é conhecido como beiju, trata-se basicamente da fécula extraída da mandioca. De origem indígena tupi-guarani, é chamada ainda de goma da tapioca, tapioca, goma seca, polvilho ou polvilho doce.
Tenho uma amiga que é louca por tapioca – a Renata. Procurando na internet maneiras de molhar a fécula de mandioca, ela viu que era completamente diferente do jeito que eu faço. Dei um checada em vários sites/blogs e vi que as pessoas perdem muito tempo com algo pode ser feito de uma maneira bem mais prática e rápida.
Porque esperar 12 horas e ainda ter o trabalho de tirar a umidade com uma toalha para então passar na peneira e finalmente fazer a tapioca se você pode molhar a fécula e prepará-la na mesma hora?
Olha só, se você prefere fazer dessa maneira mais demorada, tudo bem, mas eu vou mostrar o jeito que eu faço e talvez você mude de idéia, ok?
A Receita
Ingredientes: 
1/2 kg de polvilho doce
2 copos (americanos) de água.
1 pitada de sal
O passo-a-passo:
Coloque o polvilho doce (ou fécula) em uma bacia e vá acrescentando a água aos poucos. O segredo é misturar bem (com as mãos) para que ela fique úmida por igual. A pitada de sal eu coloco no primeiro copo de água.
Depois disso (pasmem!) é só passar na peneira e fazer sua tapioca.
Fazendo a tapioca:
Coloque a frigideira no fogo alto, espere ela esquentar e baixe o fogo. Com as mãos mesmo, pegue um pouco da tapioca e vá jogando dentro da frigideira. Você pode jogar no meio e ir distribuindo para os lados, por exemplo. Use uma colher para fazer isso ou continue com a mão, mas cuidado pra não se queimar.
O tempo pra virar é importante: se virar logo pode esfarelar tudo e se demorar pode ficar dura demais e até queimar… isso não é legal. Como ela não gruda, você pode perceber quando é a hora com uma colher ou espátula. Virou! Espere menos tempo dessa vez e pode colocar no prato, rechear com o que quiser e saborear.
Os recheios ficam a seu gosto. Fica delicioso com queijo ou com leite condensado e coco. Eu prefiro só com manteiga mesmo.
E outra, coma enquanto estiver quentinho. É mais gostoso. Quando esfria, esfarela e o sabor é outro… ruim!
Dica:
Eu peneiro tudo logo - ela fica leve, com um aspecto de granulado - então guardo num recipiente de plástico tampado na geladeira.
E aí, não acharam bem mais legal dessa forma?
Dúvidas?
PS.: Fico devendo o vídeo e fotos mais legais.
Sem tempo :(

Sua depilação está em dia?

Sua depilação está em dia Não é nenhuma novidade que há tempos, pessoas em diversas sociedades procuram eliminar o excesso de pelos e penugens, para fins estéticos (...) e higiene pessoal.
No entanto, a história nos revela que em 1500 a.C. os homens já removiam os pelos com um depilador feito de sangue de diversos animais, gordura de hipopótamo, carcaça de tartaruga e trissulfeto de antimônio. Embora os depilatórios químicos sejam considerados uma invenção contemporânea, o processo para remoção dos pelos através de decomposição química surgiu na Antiguidade.
Os romanos usavam a solda cáustica como destacado ingrediente em algumas de suas composições depilatórias.
Na Grécia antiga era usado para a depilação uma varinha de 16 a 30 cm chamada estrigil. As mulheres entravam num banho quente, passavam uma pasta a base de vegetais e cinzas e depois retiravam raspando a pele com o estrigil. 

As mulheres muçulmanas depilavam-se por achar que os pêlos tinham um aspecto sujo e maléfico.

As egípcias foram as primeiras a usar o extrato de sândalo, a argila de cimólia e cera de abelha, processo que deu origem à depilação a cera utilizada nos dias de hoje.
a depilacao perfeita Alguns Tipos de Depilação - Escolha um e fique linda(o)! -
  • Cremes Depilatórios - É um método indolor de fácil remoção dos pêlos.
    Não arrancam os pêlos pela raiz, apenas dissolvem a parte externa deles. Só fique atenta à composição do produto, normalmente bastante tóxicas
    Há diversas marcas no mercado, mas primeiro é aconselhável fazer um teste para ver se o produto não causa nenhuma reação alérgica.
    Regiões indicadas: pernas
  • Lâmina - Rápida e indolor, a raspagem deve ser feita com a ajuda de uma espuma ou gel próprios. A lâmina corta os pêlos pela metade, fazendo com que eles cresçam mais rápido e grossos. É também o maior causador de pêlos encravados, foliculite (inflamação ou infecção do poro por onde o pêlo sai, chamado de folículo piloso) e manchas em áreas como virilha e axilas.
    Regiões indicadas: axilas, pernas e virilha.
  • Cera Quente - Entre os métodos mais usados para arrancar os pêlos, a cera quente pode ser colocada no topo do ranking. Indicada para pessoas que possuem pêlos grossos. A temperatura da cera provoca a dilatação dos poros, facilitando a saída dos pêlos.
    Este método é indicado para todas as regiões.
Pessoalmente o meu preferido. Na minha opinião, é o que menos agride a pele e ainda é 100% natural!
Abaixo, a receita super fácil pra você fazer em casa – é a mesma que faço:
Coloque numa panela um copo (americano) de suco de limão e um quilo de açúcar. Leve ao fogo (baixo), mexendo… devagar e sempre! Até a calda ficar da cor de mel, mais ou menos 30 min – eu prefiro me guiar pela cor, não pelo tempo. Apague o fogo e espere uns minutos para que a cera esfrie um pouco e coloque num recipiente que possa ir ao banho-maria, é assim que você vai esquentar toda vez que for usar.
  • Cera Fria - É mais dolorosa porque não dilata os orifícios por onde saem os pêlos. Em algumas pessoas pode facilitar o aparecimento de pêlos encravados.
    Regiões indicadas: pernas, virilhas, axilas e barriga.
  • Eletrocoagulação - É um método doloroso que enfraquece os pêlos e atinge a raiz com correntes elétricas.
    Como condutores são usadas agulhas finas, introduzidas no bolbo capilar (raiz do pêlo). Uma descarga elétrica atinge a papila, responsável pela nutrição e crescimento do pêlo. Esse método afina, mas não elimina definitivamente todos os pêlos.
    Regiões indicadas: queixo, barriga e seios.
  • Roll-on - Neste método são utilizados aparelhos de depilação com cera morna, que aquecem a cera em 20 minutos. Depois se retiram os pêlos desde a raiz, no sentido inverso do crescimento, com a ajuda de lenços depilatórios.
    Regiões indicadas: virilhas, axilas, barriga e pernas.
  • Laser - Para quem quer se livrar para sempre do incômodo de arrancar os pêlos, a alternativa é esta.
    Só há restrição para a área dos olhos e para peles bronzeadas, pois correm o risco de ganhar manchas. Eficaz também para pessoas com pêlos claros e de pele morena ou negra
    Quem deseja recorrer ao laser, basta abandonar qualquer tipo de depilação com cera um mês antes e, no caso das lâminas, três a cinco dias. É preciso deixar os pêlos crescerem, para verificar em que direção isso acontece. Na prática, os pêlos são raspados e a pele higienizada. A seguir, a esteticista aplica gelo e anestésico nos locais que vão ser depilados. É necessário fazer um teste de sensibilidade antes do início do tratamento. O laser é aplicado em um número mínimo de três a cinco sessões, com intervalos de um mês.
    Regiões indicadas: pernas, virilhas, axilas, busto e buço.
Dicas
- Um dia antes da depilação, faça uma esfoliação na área a ser depilada. A esfoliação é necessária para retirar as células mortas;
- Evite tomar sol antes e depois da depilação, o risco de manchas é quase certo; - Para evitar pêlos encravados, evite o uso de roupas muito apertadas, principalmente na região da virilha ;
- Nunca depile áreas feridas, queimadas ou irritadas nem reaproveite produtos;
- Não use hidratantes ou cremes logo depois da depilação. Eles obstruem os poros, causando irritação e pêlos encravados;
- Faça semanalmente esfoliação no corpo todo, para evitar os terríveis pêlos encravados.
Fontes: Wikipédia/ JoanaPrado.com.br/ Minha Vida

Um girassol pra você!

Oi, pessoal!
O girassol é uma flor linda - disso ninguém tem dúvidas – e eu sempre me encantei com essa particularidade dele de “girar para o sol”.
Tinha certeza que, se pesquisasse, encontraria mais coisas legais sobre ele… Adivinhem!
O girassol é uma planta originária da América do Norte e seu nome científico é Helianthus annus, que significa “flor do sol”. O nome da particularidade que falei é chamada de heliotropismo - o caule gira acompanhando a trajetória do sol, do nascente ao poente.

Características:


É uma planta muito útil: sementes, flores e os ramos… tudo nela é aproveitado.
Cultivado em todos os continentes, o girassol é uma oleaginosa que apresenta características agronômicas muito importantes, devido ao seu crescimento que é rápido, sua grande resistência à seca, as temperaturas baixas e ao calor.
Apresenta raiz profunda, que desce perpendicularmente ao solo, chegando a medir quase de 1 metro e meio de profundidade. A planta, de porte herbáceo, atinge cerca de 3 metros de altura. As variedades miniaturas atingem no máximo 1 metro.
As suas sementes são usadas para a produção de óleo de cozinha, biodiesel ou para alimentação de pássaros e é uma boa alternativa para alimentação de gado, em substituição a outros grãos. Também pode ser usado no fabrico de lubrificantes e sabonetes.
A fibra existente no caule pode ser usada para fabricar papel.
As suas folhas podem inibir o crescimento de plantas daninhas através do fenômeno alelopatia (a capacidade de as plantas, superiores ou inferiores, produzirem substâncias químicas que, liberadas no ambiente de outras, influenciam de forma favorável ou desfavorável o seu desenvolvimento, definição do pesquisador austríaco Hans Molisch)

Significado:
Ela significa felicidade. Sua cor amarela ou os tons cor de laranja das pétalas simbolizam calor, lealdade, entusiasmo e vitalidade, refletindo a energia positiva do sol. Também pode representar altivez.
A flor do girassol é muito procurada para ornamentação, ela sua beleza e exuberância.
É muito usada no Feng Shui, pois acredita-se que traz sorte e boas vibrações ao ambiente.
Está fortemente associada à fama, ao sucesso, longevidade, nutrição, poder e calor. Oferecer um girassol a uma pessoa que iniciou um negócio expressa o desejo de sucesso e de boa fortuna para essa pessoa.
O girassol é um símbolo da páscoa, apesar de poucas pessoas saberem. Girassol é um dos símbolos pascais menos conhecidos em algumas regiões. É, porém, muito rico em conteúdo: assim como para sobreviver a planta precisa ter sua corola voltada para o sol, do nascente ao poente, segundo os cristãos, os seres humanos devem estar voltados para o Sol-Cristo garantindo a luz e a felicidade.

Dizem por aí:

Segundo uma crença popular, a semente do girassol, quando deixada ao sol, pode curar a infertilidade.
Na Hungria, acreditam que se na casa onde mora mulher grávida forem colocadas sementes de girassol na janela, a criança que nascer será homem.
Na Espanha, para se ter sorte são necessários onze girassóis.
A flor pode ser considerada a planta-símbolo do Novo Milênio.

Está presente até na Mitologia!
A Mitologia Grega apresenta uma lenda que explica o aparecimento da flor girassol.
Clítia ou Clície, era uma ninfa que estava apaixonada por Hélio, o deus do Sol. Quando este a a trocou por Leucotéia, Clície começou a enfraquecer. Ela ficava sentada no chão frio, sem comer e sem beber, se alimentando apenas das suas próprias lágrimas. Enquanto o Sol estava no céu, Clície não desviava dele o seu olhar nem por um segundo, mas durante a noite, o seu rosto se virava para o chão, continuando então a chorar.
Com o passar do tempo, os seus pés ganharam raízes e a sua face se transformou em uma flor, e continou seguindo o sol.
A Mitologia grega conta que assim nasceu o primeiro girassol.

Fontes de pesquisa: Wikipédia, Significados,
Desejo muitos girassóis para você!
Bjo grande e até a próxima!
Dani