Os Miseráveis de Victor Hugo e o incentivo à leitura

Os-miseraveis-victor-hugo

A história desse livro é fantástica!
Você pode até não tê-lo lido, mas com certeza já ouviu falar da história de Jean Valjean, que é preso e passa dezenove anos encarcerado por roubar um pão para alimentar a família.
Solto, mas excluído socialmente, é acolhido por um bispo. O encontro transforma radicalmente sua vida e, após mudar de nome, Valjean prospera como negociante de vidrilhos, até que novos acontecimentos o reconduzem ao calabouço. (sinopse ultra básica)

Essa adaptação de Walcyr Carrasco com apenas 128 páginas (o original tem mais de mil) é muito 10.
A leitura é clara, fácil e muito envolvente. Não dá pra não se apaixonar por esta história tão emocionante, marcante… inesquecível!
Sabe aqueles livros que lemos e é uma viagem tão apaixonante que queremos que todo mundo leia pra poder sentir o mesmo que nós?  Pois bem, este sem nenhuma dúvida é um deles.

E é com esse pensamento que quero dividir com vocês uma história legal onde esse livro é o fator “x”. 
Anos atrás, quando li e me apaixonei por ele, quis dividir esse momento legal com alguém. Então escolhi um dos meus irmãos: Junior, completamente avesso a leituras.
Falei o quanto a história era emocionante (bla, bla, bla) e sabia o quanto ele iria gostar também. Lembro como se fosse hoje: ele me olhou por uns instante, como se pensasse na idéia de ler algo tão empolgante, depois balançou a cabeça e disse “não!”. not-likeEntão o que fiz? Comecei a persegui-lo! Toda vez que o encontrava de bobeira, lá estava eu com o livro nas mãos lendo pra ele. No início ele corria de mim e eu marcava a página onde tinha parado para uma nova investida mais tarde. Então, passou a me evitar quando percebeu que eu não iria desistir.
Foi difícil! Às vezes eu tinha que fazer um resumo do que já tinha lido pois ele usava a desculpa de que não lembrava o que tinha se passado na história e por isso  não estava entendendo nada, .
Então, como uma luz no fim do túnel, ele parou de fugir. Começou a gostar e até passamos a discutir sobre a história. Foi o máximo! rsrs
Meu momento  “mágico”? Foi quando o peguei lendo sozinho!
Depois disso, ler não foi mais um problema para Junior. Ele descobriu – na marra, é verdade! rsrs – o quanto ler é ótimo!
Hoje em dia recomendamos livros um para o outro e imagina o quanto isso me deixa feliz!!!!!!!lendoA inspiração de hoje surgiu de um comentário feito na postagem “Os benefícios da leitura por prazer” feito pela Luciana Lira, do blog Lar dos Perdidos.
Ela fez a seguinte pergunta: “Como fazemos para atingir com palavras as pessoas que não gostam de ler?” 
Minha resposta é: vença pelo cansaço! Gargalhando

Até a próxima!
Das

Compartilhe

Acho que você vai gostar

4 pessoas comentaram

Write pessoas comentaram
22.11.12 delete

Oi Dani, sabia que eu li este livro mesmo, não este do artigo kkkk um igual. Foi distribuído na escola para as crianças e eu curiosamente peguei um para ler. Como você disse é fininho e num sopro esta terminado.
Quanto a história, caramba este Vitor Hugo é um monstro. Que cabeça, tem muito noveleiro que deveria ler, este fininho mesmo, e sua novela ia bombar.
E sabe o que mais me fascinou quando terminei de ler foi: como uma história contada a séculos atrás pode ser tão atual?
Parabéns amiga!!!!!

Reply
avatar
23.11.12 delete

Es uma excelente estrategista! rsrsrs
Já leu O Príncipe? Terreno fértil esse...
Realmente o livro é fantástico.
O filme inesquecível...
Valeu!
Bom final de semana.
Beijão.

Reply
avatar
28.11.12 delete

adoro este livro!! Li na escola tbm!! Nas aulas vagas o professor distribuía alguns livros e eu peguei este, devorei ele inteirinho, muito bom!!!

Reply
avatar
3.12.12 delete

Também gosto muito, kal!
E recomendo sempre!
Valeu pelo comentário!
Abs,
Das

Reply
avatar

Este espaço é todo seu!
Deixe suas sugestões, dicas, críticas... Elas irão me ajudar a melhorar!
Por favor, não xingue ou envie links de propaganda ou site, eles não serão publicados!!!!!
Obrigada e volte sempre!!
Beijo e paz! \o/
Das Emoticon Emoticon