Principais mitos e verdades das refeições

Principais mitos e verdades das refeições
Dúvidas na hora das refeições todos temos: Será que a forma de mastigar a comida faz realmente diferença?  Comer em frente à tv faz mal?
O que é certo ou errado?  
Encontrei esta matéria bacana que esclarece essas e outras dúvidas na hora que fazemos nossas refeições no gnt:
Beber água morna em jejum ajuda a emagrecer Mito. De acordo com a nutricionista Sabrina Longhi, da Clínica de Especialidades Integrada, “não há nenhuma comprovação cientifica que recomende beber água morna em jejum como forma de perder peso”.
Comer carboidratos após as 18h engorda Verdade. “Após as 18hs, a taxa metabólica basal (TMB) diminui, o que significa que gastamos menos calorias. Portanto, é preciso evitar o consumo de alimentos calóricos e reduzir a quantidade ingerida por refeição”, explica Sabrina Longhi.
A nutricionista funcional Giovanna Arcuri recomenda: “Após esse horário, evite carboidratos refinados, como os pães brancos, preferindo quinoa, arroz e pães integrais”.
Mastigar devagar ajuda a emagrecer Verdade. “Mastigar devagar transforma a digestão em um processo mais rápido e saudável. A trituração bem feita dos alimentos facilita a digestão e aumenta a  sensação de saciedade com menos quantidade de comida”, explica a nutricionista Sabrina Longhi.
Margarina é mais saudável do que manteiga Verdade. Giovanna Arcuri explica que a margarina contém menos da metade da gordura saturada presente na manteiga. “Para produzir a manteiga, a nata do leite é batida até que se forme uma emulsão, composta por 80% gordura e 20% de água e resíduo de lactose. A margarina é obtida através da hidrogenação do óleo vegetal, que produz um composto livre de colesterol, menos calórico do que a manteiga”.
Pessoas alérgicas não devem beber leite Verdade. Segundo a nutricionista Sabrina Longhi, o leite aumenta a produção de muco. “Para os alérgicos, pequenas quantidades de leite já podem causar uma crise. Em alguns casos, é preciso cortá-lo totalmente da alimentação, mas só um nutricionista poderá orientar sobre essa necessidade”, explica a nutricionista.
Feijão e repolho provocam gases Verdade. “Apesar de ser um alimento rico em nutrientes, o feijão possui substâncias, como o tanino, que podem provocar a formação de gases. Para minimizar o problema, deixe os grãos de molho na água de um dia para o outro. Não cozinhe o feijão nessa água, já que os causadores do problema estão exatamente ali. Troque a água e, então, leve o feijão ao fogo. O repolho também pode estimular a formação de gases em algumas pessoas, mas não há um processo que evite o problema”, diz Sabrina Longhi.
Ingerir líquidos durante as refeições aumenta a barriga Verdade. “Beber água, sucos ou refrigerantes durante as refeições prejudica a digestão e pode aumentar o volume do estômago. Se você não consegue comer sem ingerir algum líquido, opte por 100 ml de água. Dessa forma, o impacto negativo será minimizado”, recomenda a nutricionista Sabrina Longhi. De acordo com Giovanna Arcuri, “ingerir líquidos durante as refeições pode provocar distensão abdominal, aumentando o volume do estômago e estimulando a vontade de comer”.
Pular o jantar é uma forma saudável de emagrecer Mito. “Para manter o metabolismo acelerado, queimando mais calorias, é muito importante fazer pequenas refeições, de três em três horas. Dessa forma, o organismo percebe que está recebendo novos alimentos, o que estimula o gasto calórico. Dê preferência a alimentos menos calóricos e não exagere na quantidade, mas jamais pule o jantar ou fique de estômago vazio por muitas horas”, explica a nutricionista funcional Giovanna Arcuri.
Comer e, em seguida, mergulhar na praia ou piscina pode causar congestão Parcialmente verdade. “Não recomendo a imersão em água após as refeições. Durante o processo de digestão, a circulação sanguínea está concentrada na região do aparelho digestivo, com o objetivo de absorver os nutrientes dos alimentos da refeição. Se uma pessoa mergulhar na água da praia ou piscina logo após se alimentar, esse sangue necessário para a digestão será deslocado para o tecido epitelial, com o objetivo de manter o corpo aquecido, prejudicando o processo digestivo”, orienta Sabrina Longhi. 
Assistir TV durante as refeições engorda Verdade. Segundo Giovanna Arcuri, “quando uma pessoa assiste TV durante as refeições, tende a comer mais rápido, sem prestar atenção no que ingere. A mastigação também é mais rápida e o estômago demora a perceber que não precisa de mais alimento. Como consequência, é preciso ingerir mais comida para se sentir saciado”.

Compartilhe

Acho que você vai gostar

1 pessoas comentaram :

Write pessoas comentaram
16.3.12 delete

MUITO BOM ESSE POST AMEEEI

Reply
avatar

Este espaço é todo seu!
Deixe suas sugestões, dicas, críticas... Elas irão me ajudar a melhorar!
Por favor, não xingue ou envie links de propaganda ou site, eles não serão publicados!!!!!
Obrigada e volte sempre!!
Beijo e paz! \o/
Das Emoticon Emoticon