Millôr Fernandes

Millor “Sim, do mundo nada se leva.
Mas é formidável ter uma porção de coisas a que dizer adeus.”

“Você pode desconfiar de uma admiração, mas não de um ódio.
O ódio é sempre sincero.”

“As pessoas que falam muito, mentem sempre,
porque acabam esgotando seu estoque de verdades.”

“Esnobar é exigir café fervendo e deixar esfriar.”

“Anatomia é uma coisa que os homens também têm,
mas que, nas mulheres, fica muito melhor.”

“Se você agir sempre com dignidade, pode não melhorar o mundo,
mas uma coisa é certa: haverá na Terra um canalha a menos.”

“Nada é mais falso do que uma verdade estabelecida.”

“É melhor ser pessimista do que otimista.
O pessimista fica feliz quando acerta e quando erra.”

“Dizem que quando o Criador criou o homem,
os animais todos em volta não caíram na gargalhada apenas por uma questão de respeito.”

“Não devemos resistir às tentações: elas podem não voltar.”

“A verdadeira amizade é aquela que nos permite falar, ao amigo, de todos os seus defeitos e de todas as nossas qualidades.”

“Você pode evitar descendentes.
Mas não há nenhuma pílula para evitar certos antepassados.”

“Os nossos amigos poderão não saber muitas coisas,
mas sabem sempre o que fariam no nosso lugar.”

Millor-Fernandes

O escritor carioca Millôr Fernandes morreu, nesta terça-feira (27), em casa, no bairro de Ipanema, na Zona Sul do Rio de Janeiro.
Segundo Ivan Fernandes, filho do escritor, ele teve falência múltipla dos órgãos e parada cardíaca. 
De acordo com sua certidão, Millôr nasceu no dia 27 de maio de 1924, embora ele dissesse que a data correta era 16 de agosto do ano anterior.

Compartilhe

Acho que você vai gostar

Este espaço é todo seu!
Deixe suas sugestões, dicas, críticas... Elas irão me ajudar a melhorar!
Por favor, não xingue ou envie links de propaganda ou site, eles não serão publicados!!!!!
Obrigada e volte sempre!!
Beijo e paz! \o/
Das Emoticon Emoticon