A viagem não acaba nunca…

Jose-Saramago Só os viajantes acabam. E mesmo estes podem prolongar-se em memória, em lembrança, em narrativa.
Quando o visitante sentou na areia da praia e disse: “Não há mais o que ver”, saiba que não era assim.
O fim de uma viagem é apenas o começo de outra. É preciso ver o que não foi visto, ver outra vez o que se viu já, ver na primavera o que se vira no verão, ver de dia o que se viu de noite, com o sol onde primeiramente a chuva caía, ver a seara verde, o fruto maduro, a pedra que mudou de lugar, a sombra que aqui não estava.
É preciso voltar aos passos que foram dados, para repetir e para traçar caminhos novos ao lado deles.
É preciso recomeçar a viagem.
Sempre.

José Saramago (Azinhaga, Golegã, 16 de Novembro de 1922, embora o registo oficial mencione o dia 18). 
Escritor, roteirista, jornalista, dramaturgo e poeta português, galardoado com o Nobel da Literatura em 1988. Também ganhou o Prêmio Camões, o mais importante prêmio literário da língua portuguesa.
Morreu nesta sexta-feira, em casa, em Lanzarota, nas Ilhas Canárias, aos 87 anos.

Entre seus livros mais conhecidos estão "O evangelho segundo Jesus Cristo", "A balsa de pedra" e "A viagem do elefante". O mais recente romance publicado pelo escritor foi "Caim", de 2009.
"Ensaio sobre a cegueira" foi levado às telas em um produção hollywoodiana filmada pelo cineasta brasileiro Fernando Meirelles (de "Cidade de Deus") em 2008.

Compartilhe

Acho que você vai gostar

Este espaço é todo seu!
Deixe suas sugestões, dicas, críticas... Elas irão me ajudar a melhorar!
Por favor, não xingue ou envie links de propaganda ou site, eles não serão publicados!!!!!
Obrigada e volte sempre!!
Beijo e paz! \o/
Das Emoticon Emoticon