Meu pai...

Infelizmente não estou junto do meu - moramos em cidades diferentes -, mas meus pensamentos e orações são dedicados a ele.
Hoje. a figura que meu pai tem diante de mim e meus irmãos é de um amigo. É verdade! Não porque todo pai é um amigo. Ele é um amigo mesmo... e nos tratamos como tal.
Na verdade, percebo que sempre foi assim. O respeito sempre andou junto, é claro, essa amizade sempre teve seu limite (você sabe como os amigos se tratam, né?), mas não que ele impusesse. Faz parte da educação que ele e minha mãe nos deram.

É uma pena que hoje em dia estejamos tão longe uns dos outros, mas o que conta é o carregamos no coração, não é assim? E vou dizer, o que trago aqui dentro - e vou levar sempre, se Deus quiser! - são as lembranças da minha infância com meu pai.

Foram únicas!
Tem as lembranças que a gente nunca esquece, tem aquelas que lembramos quando sentimos um cheiro ou comemos algo e tem aquelas que veem à tona quando conversamos... e quando choramos por causa delas!Meu pai é um canceriano nato, assim como dois dos meus irmãos e eu! (¬¬) Pense num encontro 'emocionante'! rsrs

Dentre as milhares de coisas que meu pai me ensinou, vou destacar algumas que fazem parte da minha vida e que tento passar adiante, sempre:
* ter respeito pelas pessoas;
* não bloquear minhas emoções;
* amar livros;
* sorrir e brincar sempre
* dormir tarde - são 2:32 e estou aqui, beeeemmm acordada!
* ser viciada em filmes;
(conti...)

Sobre este último, tem um episódio que não esqueço nenhum detalhe e vou dividir com você agora:

Quando éramos pequenos, começamos nossa saga - você pode chamar de vício! - por filmes. Não lembro de nossas idades - tá bom, esqueci alguns detalhes! -, mas sei que foi nessa época que tudo começou.
Uma noite, estávamos assistindo um filme - que não lembro qual era! (¬¬) - e meu pai 'sucumbiu' (foi dormir) e ficamos, meus irmãos e eu. Eram 2 da madrugada, no meio da semana e ainda tinha escola pela manhã!
Fomos acordados por uma mãe irritada. Isso é chato, não? Bem, depois de despejar toda a sua ira - ela não é má desse jeito, mas às 6 da manhã qualquer reclamação toma proporções gigantescas! -, minha mãe chamou meu pai pra ajudar na tarefa de nos dar bronca.
Meu pai veio à cozinha, nos colocou um do lado do outro e começou: - Até que horas ficaram acordados?
- Não lembro, minha irmã respondeu.
- Eu fui me deitar e elas ficaram assistindo, disse meu irmão - sádico! -, apontando pra nós.Meu pai voltou nos olhou: - Vocês ainda ficaram assistinho?!
- Eu não, disse minha irmã, não assisti o final.
Ele olhou pra mim: - Você assistiu?
- Sim, respondi.
- Assistiu tudo?
Parei antes de responder. Os dois tratantes já tinham se safado, minha mãe tava de olho na conversa e eu morrendo de medo de levar aquela surra. Se dissesse sim, isso significaria que fui pra cama quase 4 horas da manhã!
Fui bem corajosa!
- Sim.
Ele me olhou, calado por um tempo. Nunca esqueço como senti minha pele ferver, só em pensar no cinto sobre ela - E o que acontece no final? - foi a pergunta seguinte dele! - Não consegui ficar acordado!
Meu suspirou foi longo, mas meu sorriso não. Quando olhei pra minha mãe...
- Muito bonito! É isso que você ensina pra eles, né? Ficar até tarde, assistindo filme, quando tem que acordar cedo! Você acha isso tudo muito engraçado, não? ... blá blá blá blá blá...
...

Ela nos esqueceu e sua atenção passou a ser toda dele... Ele ouviu!
No final, tudo correu bem... e eu contei o final, que ele tanto queria saber!
xD
Ok, desejo a ele uma vida maravilhosa!
Cheia de saúde, alegrias... e que Deus o abençoe sempre.
Quero dizer que o amo muito e me sinto muito feliz e orgulhosa por tê-lo como pai. Mais que isso: como um amigo louco, divertido, às vezes 'lerdo' e irritante!

Beijo e paz!!


Compartilhe

Acho que você vai gostar

Este espaço é todo seu!
Deixe suas sugestões, dicas, críticas... Elas irão me ajudar a melhorar!
Por favor, não xingue ou envie links de propaganda ou site, eles não serão publicados!!!!!
Obrigada e volte sempre!!
Beijo e paz! \o/
Das Emoticon Emoticon